Congresso da Micro e Pequena Indústria da Fiesp e do Ciesp debate novos cenários

Sua empresa sabe lidar com mudanças? O cliente e o mercado estão no foco da sua estratégia? Que rumo está tomando seu negócio? Essas e outras questões serão debatidas no dia 23 de maio, durante a 11ª edição do Congresso da Micro e Pequena Indústria, realizado pela Fiesp e pelo Ciesp.

O evento, que acontece das 8h30 às 18h, no Hotel Renaissance, na capital paulista, apresenta novos rumos e oportunidades para o crescimento das empresas, analisando temas de grande importância no cenário atual, tais como: modelos alternativos de negócio, economia colaborativa, internacionalização, novas formas de relacionamento com fornecedores e clientes, mídias digitais, entre outros.

“É fundamental que as empresas entendam as mudanças e se adaptem ao mercado para alcançar bons resultados. O Congresso é uma excelente alternativa para ampliar essa visão e praticar novas tendências de negócios “, afirma o diretor do Departamento da Micro, Pequena e Média Empresa da Fiesp (Dempi), Milton Bogus.

Com uma vasta programação, o Congresso terá abertura às 8h. Na sequência será realizada a palestra inicial, com a contextualização do tema: “Descobrindo Rumos para seu Negócio”, que será proferida pelo diretor de Conteúdo da Academia da Estratégia, empresa especializada em educação corporativa, Alessandro Saade.

Das 10h20 ao meio-dia serão discutidos, no primeiro painel, os “Modelos de Negócios: Inovando e Engajando as Pessoas”, com temas como: conceito de modelo de negócio; processo de desenvolvimento; formas de aplicações; como gerar novas ideias; modelos de negócios inovadores e design Think e Re Think.

No período da tarde, o segundo painel terá como tema: “Comércio Exterior, Acessando o Mercado Externo”, no qual serão apresentados caminhos e exemplos práticos de como buscar ferramentas para atingir novos mercados. Já o terceiro painel terá como tema “Comunicação: Potencialize esta Ferramenta nos seus Negócios”, que irá discutir como as ferramentas digitais podem fortalecer os negócios e potencializar as estratégias de comunicação interna e externa.

Encerrando o Congresso, o filósofo e escritor Mario Sergio Cortella fará palestra com o tema “Da Oportunidade ao Êxito: Mudar é Complicado? Acomodar é Perecer”.

O Congresso é anual, realizado no Mês da Indústria, em maio, e dirigido a empresários de diversos segmentos. É uma grande oportunidade para networking, troca de experiências entre profissionais e contato com diversas instituições parceiras do Dempi.

Atividades paralelas

Em paralelo aos painéis, o Congresso contará também com outras atividades, como a Sala de Crédito, um ambiente para o empresário se relacionar com diversas instituições financeiras parceiras, e o Modelo de Negócios, ação realizada em parceria com o Sebrae-SP e com o Senai-SP que apresenta a ferramenta Canvas, que permite esboçar e desenvolver um negócio com base em proposta de valor, segmentos de clientes, canais, relacionamento, fontes de receitas, recursos principais, atividades, parcerias-chave e estrutura de custos.

Já o MPI Exportador concentra, no mesmo espaço, a possibilidade de atendimento por diversas empresas e instituições essenciais nesse processo de acessar o mercado externo.

Os congressistas poderão participar também a Sala de Experiências Digitais, um espaço voltado a orientar as micro e pequenas empresas na utilização dos veículos de comunicação digital para agregar valor aos seus negócios.

Histórico do Congresso

Desde 2006, a Fiesp realiza o Congresso da Micro e Pequena Indústria, inicialmente em outubro, mês da micro e pequena empresa. Ele sempre teve o objetivo de apresentar temas e ferramentas que apoiem a gestão e a melhoria dos negócios das empresas deste segmento.

Ao longo destes 10 anos de realização, o Congresso MPI recebeu mais de 14 mil participantes debatendo diversos temas relevantes para gestão das micro e pequenas indústrias, tais como alternativas de crédito, legislação tributária e trabalhista, inovação, mídias digitais, gestão de pessoas, produtividade, internacionalização, acesso a mercados, entre outros.

Marcado , , .Adicionar aos favoritos o permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.