Executivos financeiros acreditam em baixo impacto externo sobre negócios no Brasil

Sondagem da Amcham (Câmara Americana de Comércio) realizada durante o CFO Fórum2012, na sede da entidade em São Paulo na última quinta-feira (14/06), revela que, apesar dar turbulências no cenário internacional, os executivos financeiros ainda se mantêm na maioria otimistas. O evento reuniu profissionais da área financeira para debater as perspectivas econômicas e melhores práticas de gestão e contou com a participação de nomes importantes desse cenário.

Os executivos financeiros consultados dizem que as turbulências no cenário externo não devem afetar significativamente os negócios das empresas no Brasil. A maioria (55,2%) acredita que haverá pouco impacto e 16,9% pensam que o cenário externo não trará nenhum tipo de efeito. Um grupo de 27,9% considera que os negócios serão bastante afetados.

Quando questionados sobre como as vendas das empresas se comportarão em 2012, 75% dos 136 executivos financeiros ouvidos revelaram apostar em evolução, sendo que mais de 64% disseram acreditar que o resultado comercial crescerá acima de 5%. A resposta mais frequente, com 36,1% do total, foi de que haverá aumento das vendas acima de 15%.

A fatia foi mais que o dobro dos 16,7% gestores que acham que o patamar de crescimento ficará entre 10% e 15%. Pouco menos otimistas, 12% responderam que as vendas aumentarão de 5% a 10%.

A queda da taxa de juros também foi discutida. Na sondagem com os executivos, a maioria (75%) respondeu que, para suas empresas, a queda da taxa de juros terá pouco impacto sobre o nível de investimentos. Cerca de 24% disseram que suas companhias vão aumentar os aportes e somente 1% respondeu que os investimentos serão reduzidos.

Em relação ao câmbio, a maioria dos entrevistados (51,1%) acha que o dólar ficará entre R$ 1,8 e R$ 2 no segundo semestre. Uma fatia ligeiramente menor da amostra, de 47,4%, crê que o dólar ficará na faixa de R$ 2 a R$ 2,2 no período.

Marcado , , , .Adicionar aos favoritos o permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.