Certificação Digital evita roubo de senhas e torna operações virtuais garantidas

WhatsAppFacebookLinkedInTwitterGoogle+EmailCompartilhar

Todos os dias lemos notícias de que senhas foram furtadas, que sistemas foram violados, que hackers invadiram complexos informatizados de bancos e empresas, ou funcionários internos fraudaram determinada empresa. Quando não, são ações relacionadas a pequenos alvos, voltadas a captar e violar contas de pessoas e empresas. Em todos os casos o prejuízo é certo. Mesmo conteúdos criptografados são com o tempo decifrados. O alerta é feito por Antonio Sérgio Cangiano, diretor-executivo da Associação Nacional de Certificação Digital (ANCD).

Por tudo isso, recomenda, é muito importante que as empresas e os seus usuários utilizem sistemas de acessos com o certificado digital. Para Cangiano, a Certificação Digital combinada com biometria, tecnologia que não trafega nem armazena senhas em sites, é a ferramenta que mitiga esse tipo de risco radicalmente.

“O que não faltam são mensagens ora oferecendo prêmios, ora produtos grátis, ora vantagens. É bom lembrar que a frase ‘não existe almoço de graça’ nunca esteve tão atual”. Pesquisa recente da TeleSign mostra que 73% das contas bancárias têm as mesmas senhas já usadas por seus titulares em outras plataformas e 54% das pessoas usam menos de cinco variações de senhas para todos os fins. Há o fator da praticidade de lembrar a senha, mas isso pode comprometer seus dados, lhe trazer enormes prejuízos, adverte o diretor da ANCD.

“Por isso a certificação digital, com uma única ‘senha’ para toda e qualquer aplicação (único PIN e “single sign on”) e agora com biometria embarcada, funciona como uma forma de extinguir esse tipo de ação criminosa e garantir às empresas e aos cidadãos todos os tipos de transações, pessoais, comerciais, financeiras, cartoriais e com o governo e todos os setores da sociedade de forma muito mais segura e com validade jurídica em meios digitais”.

Segundo ele, esse tipo de cuidado deveria ser levado em conta por empresas em todas as suas etapas do dia a dia, desde o controle de e-mails, a ordens de compra, passando por áreas financeiras, vendas etc.. “A Certificação Digital extingue esses tipos de fraudes, pois apenas pessoas credenciadas e autorizadas com o Certificado Digital podem operar os sistemas. Isso faz com que, em caso de eventuais desvios, todos os responsáveis e os caminhos possam ser rastreados com facilidade e identificados. Com materialidade de provas, permite à empresa ressarcir prejuízos ou evitar o envio ilegítimo de informações sigilosas”. Hoje, a espionagem industrial, ações operacionais indevidas, lesam as empresas todos os dias e produzem grandes prejuízos, sem materialidade de provas e de difícil responsabilização jurídica, ou seja, sem responsabilização efetiva dos autores.

Para as pessoas físicas a Certificação Digital também é uma grande ferramenta, para declarar impostos, fazer revisão de declarações de renda, permite se relacionar com os Fiscos Estaduais e Municipais, além de tornar mais fácil abrir ou fechar uma conta bancária ou uma empresa, de forma virtual de maneira muito mais segura, comenta Antonio Sérgio Cangiano.

713 Total Views 1 Views Today
Marcado , , , , , , .Adicionar aos favoritos o permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • CONHEÇA O CANAL DE VÍDEOS DO VALOR AGREGADO

    CONHEÇA O CANAL DE VÍDEOS DO VALOR AGREGADO
  • Receba nossas notícias